Marketing direto: o que é, quais os tipos e como aplicar

marketing direto

Compartilhe esse post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Nada melhor para falar de maneira eficaz e assertiva com seu cliente do que um bom e velho marketing direto, não é mesmo? Essa abordagem perdeu um pouco de força nos últimos anos, mas ainda pode ser muito útil quando bem aplicada. 

O que é marketing direto afinal?

Marketing direto é um conjunto de estratégias focadas na promoção de produtos e serviços que aposta no contato direto com um público específico.

Essencialmente, essa estratégia de marketing busca atingir diretamente os consumidores que já tem interesse no que você vende.

Principais tipos de ações de marketing direto

Uma vez que tenha ficado claro o que é essa opção do mix de marketing, vamos às ações que a compõem. 

Na lista de tipos de ações de marketing direto estão:

  • Telemarketing: ainda muito usada, a estratégia consiste na ligação direta de uma empresa para um consumidor, que de alguma forma tenha demonstrado interesse no que você vende;
  • E-mail marketing: ideal para abordar os consumidores que podem estar interessados em adquirir algo que a sua empresa tem a oferecer. É indispensável também para o Inbound Marketing e para direcionar os leads pelas etapas do funil de vendas;
  • Mala direta: no geral é um material publicitário enviado diretamente para o endereço físico do lead. Permite que você personalize o material de acordo com o público-alvo e aposta no apelo visual;
  • Marketing de catálogo: muito comum nos vendedores porta a porta, o mecanismo funciona com a criação de um catálogo que é distribuído aos afiliados da empresa para que possam fazer as vendas.

Como aplicar o marketing direto no seu negócio?

Mas, afinal, como aplicar tudo isso na estratégia da sua empresa? A seguir, criamos um passo a passo simples para te ajudar. Acompanhe!

Encontre seu público-alvo

O primeiro passo é, sem dúvida, definir o perfil de cliente ideal da sua empresa. Quem é o cliente que você quer abordar de maneira tão direta? 

Se você tem um sistema de CRM ou um banco de dados, essa é a hora de puxar algumas informações relevantes como:

  • gênero;
  • idade;
  • renda;
  • interesses pessoais;
  • localização geográfica e mais. 

Lembre-se de sempre se certificar de que você tem o consentimento dessas pessoas para fazer a abordagem que deseja. 

No vídeo abaixo, existem algumas sugestões de como criar o perfil de cliente ideal da sua marca. Confira!

Escolha uma abordagem adequada

Agora que você já separou quem será seu público-alvo é a hora de decidir como irá abordá-los. Será por telefone? Por e-mail? Ambos? O que define essa escolha afinal?

Neste caso, observe nos dados que você tem disponível e verifique se há informações sobre quais as preferências dos leads. 

Use pesquisas de mercado que indicam como os consumidores preferem interagir com as marcas, só então delimite seu plano de ação.

Saiba mais: Marketing Digital Para Iniciantes: Canais, Estratégicas, Cuidados E Mais!

Decida quais ferramentas usar no processo

Depois de decidir o que vai fazer e com quem vai fazer, é a hora de estabelecer os meios e ferramentas disponíveis e necessários para colocar tudo isso em prática. Se você vai abordar por e-mail será necessário um sistema de automação de e-mail marketing, por exemplo.

Caso decida pela ligação telefônica, será necessário um investimento em maquinário, pessoal e um sistema para ligar e registrar as informações. Em alguns casos pode ser mais vantajoso terceirizar uma empresa de call center para isso.

Aposte no senso de urgência

Um dos pontos primordiais deste tipo de estratégia é passar a sensação de que esse contato direto foi feito naquele momento por um motivo. Por isso, o senso de urgência é primordial de ser trabalhado.

Vale a pena fazer uma abordagem apresentando uma oferta por tempo indeterminado.

Além de ajudar você a receber a atenção do cliente, esse tipo de abordagem contribui para a conversão imediata.  

Faça alguns testes

Depois de definir o que, para quem e como aplicar as estratégias é a hora de pôr em prática, sempre realizando testes preliminares antes de fazer investimentos mais altos.

Realize os testes, monitore os resultados e faça ajustes necessários para corrigir as falhas que encontrar e só depois entre com tudo para aplicar as estratégias no público todo.

Agora você está um passo à frente para começar a aplicar suas estratégias. 

Então conta pra gente nos comentários: você já fez alguma dessas ações, mas não sabia que era marketing direto? Queremos saber mais sobre a sua experiência. 

Aqui no portal Negócios em Mente você encontra muito conteúdo sobre empreendedorismo, além de ferramentas e cursos que vão te ajudar a alavancar seu negócio e melhorar seus resultados. Conheça nosso site e aproveite nossos descontos!

Quem está atualizado, domina o mercado!

Se inscreva Na Nossa Lista De E-Mail Para Receber Novidades, Descontos E Oportunidades Antes De Todo Mundo!

Explore mais